"Caminhais em direção à solidão. Eu não, eu tenho os livros." Marguerite Duras

15
Out 13

O Prémio Leya, na sua sexta edição, foi atribuído a Gabriela Ruivo Trindade com a obra Uma Outra Voz.


A escritora lisboeta, a residir em Londres há nove anos,  é a primeira mulher a vencer o Prémio Leya desde que este foi criado, em 2008.


Segundo o júri, o prémio foi atribuído a Gabriela Ruivo Trindade pela sua "consistência narrativa", destancando-se  "a caracterização das personangens femininas".


Gabriela sucede, assim, a Nuno Camarneiro, que venceu na edição de 2012, com a obra Debaixo de algum céu.

 

Os outros vencedores deste prémio foram Murilo Carvalho, em 2008, com a obra O rastro do Jaguar; em 2009 venceu João Paulo Borges Coelho, com o romance O Olho de Hertzog; e em 2011 foi a vez de João Ricardo Pedro ser galardoado com este prémio literário, com a sua obra O teu rosto será o último. Em 2010 o prémio Leya não foi atribuído.


Gabriela Ruivo Trindade, vencedora do Prémio Leya 2013


publicado por companhiadoslivros às 21:15

Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

14
16
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO